Descrição

A presente obra examina a dinâmica das fases de elaboração
e execução das políticas públicas, passando pela “construção
da agenda governamental”, “formulação”, “tomada de decisão”,
“implementação” e “avaliação” das políticas, seguida da análise
de suas repercussões no plano da judicialização, dentre as
quais a dicotomia do mínimo existencial e a reserva financeira
do possível, quase sempre objeto de ponderação pelo
Judiciário brasileiro mediante emprego da técnica decisória
conhecida como “tragic choices”. De feição transdisciplinar,
propõe soluções concretas para os problemas estruturais que
se apresentam perante o Sistema de Justiça, assinalando as
condições necessárias para uma mudança paradigmática,
via da qual os “agentes da judicialização” das políticas
públicas passem a contribuir, de forma mais criativa, setorial e
participativa (extrajudicialmente), em cada uma das etapas de
sua elaboração e execução.

Características

    • Ano 2016
    • Autor Luciano Coelho Ávila
    • Editora Editora D'Plácido
    • ISBN 9788584252831
    • Nº de Páginas 200

Avaliações

0.0
0 avaliações
UsuárioFaça um comentário sobre este produto.